"O TINGIMENTO DA ÁGATA"
Por Pércio de Moraes Branco - Geólogo
e-mail: museugeo@pa.cprm.gov.br

As belas cores da ágata, freqüentemente distribuídas em faixas bem nítidas e vistosas, podem ser naturais, mas muitas vezes são obtidas por tingimento. As ágatas do Rio Grande do Sul. maior produtor brasileiro, mostram cores branca, cinza, cinza-azulada, vermelha, preta, laranja e marrom. Se tiverem cor rosa, roxa, verde ou azul, porém, são tingidas. As cores vermelha e preta podem ser tanto naturais quanto provenientes de tingimento. Estima-se que pelo menos 90% das ágatas vendidas no mundo são tingidas, mas as do Rio Grande do Sul, consideradas as mais belas do mundo, são tingidas com muito menos freqüência.


ágata em forma de útero



ágata tingida em várias cores
Gemas do Mundo

(livro de Walter Schumann)

Um empresário de Soledade (RS), com quem conversei a esse respeito, acredita que sua empresa tinge em torno de 40% do material que vende. A mudança de cor da ágata é possível porque ela é porosa e, além disso, resistente ao calor e aos ácidos. Se as cores naturais são visualmente agradáveis, não se usa tingimento; do contrário, a ágata é colocada numa solução que pode conter ferrocianeto de potássio, ácido crômico com cloreto de amônio, açúcar ou percloreto de ferro com ácido nítrico e sucata de ferro, dependendo da cor desejada. O tingimento pode ser feito a frio (bem mais lento) ou com aquecimento. Em qualquer um dos casos, porém, demora geralmente vários dias.
Como a solução tingidora penetra pouco na gema, o tingimento costuma ser feito após a peça ser cortada e desbastada, mas antes de ser polida, pois o polimento obstruiu os poros, dificultando a penetração do corante.
Ágatas tingidas são vendidas como tal; nenhum comerciante esconde o fato de a cor ser obtida artificialmente, mesmo porque o preço de venda é o mesmo, para peças naturais e tingidas.

Ágatas naturalmente vermelhas podem ter essa cor realçada mediante simples aquecimento, dispensado o uso de corantes químicos.
Se os corantes usados para tingir a gema forem inorgânicos, a cor será estável, mas com corantes orgânicos (usados, por exemplo, para obter cor rosa ou verde), ela poderá enfraquecer com o tempo.
A ágata ao lado perdeu suas cores, mas pelo emprego de ácidos.

O Museu de Geologia possui chapas de ágata nessas cores em que um lado é hoje bem mais claro que o outro porque ficou voltado para cima no expositor, sujeito, portanto, à ação da luz e, por conseqüência, ao enfraquecimento da cor.
© Copyright Portal das Joias 2002/2005 - Todos os direitos reservados
|Política de Privacidade| |©Lei de direitos autorais|